/ Chile, Santiago/ 15 comments

Se você vai à capital Chilena, já deve ter recebido dicas de lugares para conhecer. Já indicamos aqui um roteiro sobre o básico para se conhecer na cidade em 3 dias, sem precisar se deslocar muito. Agora, se você tem mais tempo, fique aqui que vamos te passar algumas de dicas de passeios em Santiago!

Todos os passeios em Santiago que vamos indicar aqui podem e costumam ser feitos em um dia cada. Além dos 3 dias básicos para conhecer a cidade de Santiago com o roteiro que indicamos, você pode reservar pelo menos 3 dias para os outros passeios!

Se você tem mais tempo, estude pernoitar em uma ou nas duas cidades dessa minha primeira dica:

PASSEIOS EM SANTIAGO: VALPARAÍSO E VIÑA DEL MAR

São cidades próximas e passeios obrigatórios, no mínimo para um bate e volta. Como o hotel ficava do lado da rodoviária (também tem uma estação de metrô por lá), compramos passagens  para Valparaiso em um ônibus de viagem comum. Era muito mais barato que as excursões saídas de Santiago.

Passeios em Santiago

Um café em Valpa!

Quando chegamos lá, fechamos um tour com a primeira empresa que me abordou na rodoviária, pois o escritório era lá mesmo. Eu podia ter pesquisado antes, mas não o fiz.

A excursão foi legal, mas no final, em Viña, achei que ficou corrido, só passaram por lugares em que prometeram parar. O almoço também achei que combinaram a comissão em um lugar mais afastado (vista para o mar e tudo, mas um custo benefício baixo). Se tivessem parado mais no centrinho teria várias opções bonitinhas.

Não me arrependo de nada e adorei as duas cidades, mas se eu tivesse outra chance de ir, alugaria um carro sem dúvidas.

Outra dica legal é passar uma ou mais noites nessas cidades, ficando muito mais fácil de conhecê-las. O Igor do Blog S2 Station conheceu Viña Del Mar e Valparaíso em 2 dias e meio e dá muitas dicas legais, além das fotos que estão belíssimas! Arrasaram!

Blog Viaje com Pouco também da dicas de como chegar e andar por lá por conta própria. É uma bela economia, não?

VALPARAISO

 

Valparaíso é uma cidade portuária, mas charmosa! Seus morros, acessados por “elevadores” e casas coloridas atraem turistas o ano inteiro.

A vida Bohemia da cidade foi elogiada pelo Ricardo Freire, do Viaje na Viagem, que defende veementemente a sua permanência por lá por pelo menos uma noite. Além disso, a cidade foi considerada patrimônio cultural da humanidade. Como deixar de fazer esse passeio tão acessível para quem está em Santiago?

Por lá, paramos em primeiro lugar para ver os lindos leões marinhos em seu habitat natural. Depois, vamos passando em algumas ruas e igrejas históricas da cidade que já foi potência econômica do Chile.

A próxima parada é na histórica Plaza Sotomayor, onde fica a sede da Armada Chilena e um Monumento aos heróis da guerra. Gosta de fotos com soldados sérios? Lá na porta do (lindo) prédio da Armada isso pode ser feito.

Passeios em Santiago

Se você for pernoitar em Valpa, pode, naquela região, contratar seu passeio pela baía. Pergunte ali pelo Muelle Prat, de onde partem esses tours.

A última parada do nosso tour foi em La Sebastiana. Esse é o nome de um dos museus que foi casa de Pablo Neruda.

Passeios em Santiago

O jardim e a varanda não são pagos, mas a casa aonde funciona o museu, sim. Eu não consegui entrar no museu em si, pois na excursão não sobrava tempo, mas acessei a varanda e pude ver a uma bela vista da cidade.

Passeios em Santiago

Vista do La Sebastiana

Além do museu, explore o entorno. Você vai encontrar aquelas lindas casas coloridas, perfeitas para fotos.

Passeios em Santiago

Na cidade, senti falta de conhecer o Mirante Paseo 21 de Mayo, que é acessado pelo ascensor Artillería. Eu havia lido sobre ele, mas como eu disse, não gostei do nosso tour. É claro que eu teria gostado muito de andar nos ascensores também.

VIÑA DEL MAR

Passeios em Santiago

Seguimos para Viña Del Mar, que é bem próximo de Valparaíso. A cidade é o destino de praia dos Chilenos no verão. Pesquisei sobre o réveillon no país e descobri que Viña bomba nessa época.

Assim que chegamos à cidade, conhecemos o Relógio de Flores e já nos direcionamos para o almoço, que não foi uma boa experiência como eu já contei. No caminho, passamos pelo centrinho e vi restaurantes e lojinhas moderninhas! Daquele tipo que os turistas adoram olhar! Queria ter parado lá.

Passeios em Santiago

Após o almoço, tentamos parar no Parque Quinta Vergara, aonde fica o museu homônimo. Estávamos tão sem sorte nessa nossa passagem por Viña Del Mar que o encontramos fechado! Para mais informações sobre o Quinta Vergara, veja esse post!

Passamos também pelo Castelo Wulff, que funciona hoje como um museu. Se você quer conhecer esse e mais dois lindos castelos em Viña Del Mar, veja o post do Viajante Solo.

O curtíssimo tour terminou no Museu Fonk, aonde também não tivemos tempo de entrar, mas conhecemos o Moai que fica em seu jardim, um dos poucos fora da Ilha de Páscoa. No entorno funcionam algumas lojas de joias com pedras chilenas. Nada que pudéssemos pagar! Rs

Passeios em Santiago

BIZÚ: Se você não quiser alugar carro e conhecer Viña Del Mar por conta própria, feche sua tour com a Partner Reps Chile. Nós só conhecemos A Partner em nossa segunda visita ao Chile. O profissionalismo é bem diferente da empresa que fez o nosso tour, por isso super recomendo!

PASSEIOS EM SANTIAGO: NEVE

Brasileiro adora conhecer neve. E nem precisa ir pra tão longe. Com poucas horas de vôo, você pode aterrissar em Santiago do Chile e, de lá, fazer um passeio para a neve.

Passeios em Santiago

Fomos à Valle Nevado e Farellones no início de Setembro, estava bem frio por lá e sabia que veria neve ao subir as montanhas. Fui toda feliz, pois nós  nunca tínhamos visto neve e tivemos uma super sorte: pois além de estar cheio de neve acumulada, nevou no dia que subimos a serra! Então, se for em setembro, vale MUITO a pena!

Fomos de excursão, que nos buscou bem cedo no hotel. A gente para no caminho para alugar roupas de frio, pois as nossas nunca são suficientes.

BIZÚ: Se puder, tome um Dramin, pois a estrada é sinistra. As curvas são chamadas de cotovelos de tão fechadas e meu namorado não passou bem por elas.

Esse passeio vai direto para a estação de esqui de Valle Nevado e te deixa lá por 2 a 3 horas.

Passeios em Santiago

Depois, ele desce um pouquinho para Farellones, que é uma mini estação que não tem esqui, mas tem brincadeiras tipo skibunda, etc.

Farellones é bem mais baixa que Valle Nevado. Quando fui não tinha neve suficiente para essas brincadeiras, mas aproveitamos e almoçamos em um restaurante com vista fantástica e aproveitamos o resto da tarde, pois o Vilarejo é lindo.

Passeios em Santiago

Melhor época para ver a Neve nos arredores de Santiago

Esses dois passeios acontecem no verão também, mas não tem muita graça. Por isso, recomendo fortemente que, nessa época do ano, troque seu dia de neve pelo belo passeio contemplativo abaixo!

PASSEIOS EM SANTIAGO: CAJON DEL MAIPO

Tentei de todas as formas conhecer esse paraíso, mas não tive sorte pois os acessos estavam ruins devido ao excesso de neve.

Ou seja, a neve que me deu sorte em Valle Nevado compensou em Cajon. Quero voltar lá em uma época melhor para conhecer!!

Deixo as dicas do blog Foco no Mundo que foi à Cajon Del Maipo e nas piscinas termais de Baños Colinas.

PASSEIOS EM SANTIAGO: VINÍCOLAS

Passeios em Santiago

Vocês gostam de vinho?

Nós não gostamos, mas assim mesmo fizemos o passeio à Vinícola Concha Y Toro. Valeu a pena pelas histórias, pela lenda, pelo local que é bem bonito.

Como ela é afastada do centro, pegamos o Metrô até a estação mais próxima (o metro lá cobre muito bem a cidade!!!). De lá, peguei um táxi. Menos de 10 minutos.

Passeios em Santiago

A visita à Concha Y Toro merece um post todo dedicado. O que eu posso dizer é que em Mendoza eu já havia visitado outra vinícola e achei que mostrava mais o processo de produção.

Concha Y Toro é mais turística, fala da lenda do Casillero del Diablo e menos do processo produtivo, mas vale muito a pena..

Eles oferecem dois passeios:

  • O mais básico: tour e a degustação de três tipos de vinho
  • O mais completo: Faz o básico acima e ao final, reúne os que optaram por esse pacote em uma sala e oferece mais degustações.

O local ainda tem loja e um barzinho, aonde eu aproveitei para experimentar o espumante Concha Y Toro. Além de ser uma delícia, estava com um preço muito bom!!

Passeios em Santiago

Como ficamos ali no barzinho, vimos o pessoal saindo da tour completa… Todos saíram bebinhos!!

Gosta muito de vinhos??

Concha Y Toro é a mais famosa, mas não é a única vinícola disponível para passeios em Santiago.

O Blog Rota Amada conta tudo sobre a vinícola  Casa Del Bosque e o Viagens e Menus conta sobre a MontGras. Ambas ficam fora da cidade, mas é possível Fazer o  bate e volta.

15 Comments

  1. Fez uma boa síntese e as fotos ficaram lindas. Adoraria visitar a casa do Pablo Neruda, em particular, mas as opções na neve também são interessantes.

  2. Ola
    Que viagem cheia de passeios… neve, vinho, café. Um roteiro perfeito. Adorei.
    Matéria salva para minha viagem.
    Abraços
    Thais

  3. Oi Ana,
    Meu medo eh justamente a estrada estar ruim p conhecer Cajon del maipo…vou em junho rezando pra ver neve em Farellones mas tbm poder conhecer Cajon kkkkk quero mais nada né?!

    1. Em junho acho que vai ver neve certamente! Quanto à Cajon, boa sorte!!! Você pode ir tentando contato com empresas de passeios por lá e eles já vao te adiantar se o acesso costuma fechar em Junho! Eu indico a Partner Reps Chile, Mas tem várias!

  4. Super bacana seu post, bem completo e direto. Conheci quase tudo que está no seu roteiro e posso dizer que não faltou nadinha. Parabéns

  5. Chile com certeza é um país que queremos visitar em breve. Santiago estará na nossa lista de destinos e irei ler esse post novamente com as dicas super úteis 😛

  6. Meu marido fez mochilão pela América do Sul e disse que Santiago foi um dos lugares que ele mais gostou. Desde então eu fiquei doida pra conhecer. Seu post só reforça tudo isso!

  7. Tenho muita vonta de conhecer Santiago, apesar de saber quase nada sobre a cidade.. Adorei seu roteiro, me deu uma super ideia do que gostaria de ver. Valparaíso parece um chaaarme de lugar 🙂

  8. Preciso muito de ir aí!!!muito obrigada pelas dicas

  9. Achei muito interessante o post. Sugere bons programas para diferentes os gostos. Se tivesse que escolher só um eu escolheria Valparaíso!

  10. Como você disse, essas excursões são tourist trap, mesmo, comissão de restaurantes (em geral de qualidade inferior) e tudo corrido, pra gente que gosta de fotografar e descobrir é meio frustrante, mas às vezes é a única opção de muita gente.

    1. Nem me fale!agora vou ter que voltar com calma rs

  11. Muito legal! Desses 4 passeios não fizemos a neve e nos arrependemos muito! Santiago é muito legal, oferece muita coisa pra fazer tanto na cidade quanto nos arredores… Cajon del Maipo é lindo demais!

  12. Quero demais conhecer Santiago e esse passeios que estão listas o que mais me interessa é Valparaíso, esse colorido da cidade realmente me fascina, acho que sou uma exceção pq não logo muito ora neve.

  13. Vejo que existem muitas razões para ir conhecer Santiago…. Nunca fui! Tenho de escolher é uma época mais quente 😉

O que você achou??